Marica (Rio de Janeiro)

Hotéis e Pousadas

Uma cidade linda, abençoada por Deus. Com belíssimas praias, lagoas, centros históricos e o mais importante: a tranquilidade. Aqui você pode vim passear tranquilo, com segurança, vendo as mais lindas paisagens, mergulhando em águas transparentes, fazendo turismo histórico, cultural e de aventura.


Mapa

O desbravamento do território do município remonta às últimas décadas do século XVI, quando colonizadores aí chegaram graças à doação de sesmarias, que estabeleceram os primeiros colonos na região, desenvolvendo atividades extrativistas, agrícolas e pastoris. A implantação da rodovia Amaral Peixoto, a RJ-106, associada às condições do local onde se estruturou o núcleo histórico, propiciou grande desenvolvimento da indústria da construção civil para residências de veraneio e equipamentos turísticos.

Em 1887, surgiu em Maricá a idéia de se construir uma Estrada de Ferro. Criou-se uma comisSão membros atuantes da comunidade, que empregaram seus capitais e, em 1889, era inaugurado trecho de estrada de ferro que até Itapeba e, posteriormente, Manoel Ribeiro. O Governo Federal prolongou-a até Cabo Frio, ligando-a com a Central do Brasil. Através dela, os pescadores levavam seus peixes para vender nos mercados de Niterói e São Gonçalo, desta forma o município também escoava sua produção de banana.

Durante muito tempo, a pesca constitui-se na principal fonte de renda. Em 1889, a vila se encontrava em franco progresso e foi elevada à categoria de cidade. Todavia, em virtude das conseqüências advindas da Lei Áurea, a economia municipal sofreu bastante o impacto do êxodo da força de trabalho escrava. Suas terras, já em si pantanosas, tornaram-se mais insalubres ainda devido ao abandono das lavouras. A atividade econômica em geral acabou por fixar-se em atividades agropastoris, indústrias de pequeno porte, exploração minerais, construção civil, pesca e turismo. A implantação da rodovia Amaral Peixoto, a RJ-106, associada às condições do local onde se estruturou o núcleo histórico, propiciou grande desenvolvimento da indústria
da construção civil para residências de veraneio e equipamentos turísticos.

Como chegar

O eixo rodoviário de Maricá é a RJ-106, ora duplicada, que acessa São Gonçalo e Niterói, a oeste, e Saquarema, a leste. A RJ-102 é a via litorânea em leito natural que segue por toda a restinga, de Itaipuaçu a Ponta Negra. A RJ-114 dirige-se para Itaboraí, ao norte.

Atrativos

Pedra do Elefante (falso Pão de Açúcar)
Pedra do Silvado
Lagoa de Maricá, Lagoa da Barra, Lagoa do Padre, Lagoa de Jaconé.
Praias Itaipuaçu; Barra de Maricá; Guaratiba; Cordeirinho; Ponta Negra; e Jaconé.
Igreja Matriz de Nossa Senhora do Amparo
Prédio da Câmara Municipal
Capela de São José do Imbassaí
Capela Nossa Senhora da Saúde

Informações Úteis

Rodoviária: (21)2637-2955
Bancos: BB, Bradesco, CEF, Itaú, Unibanco.

Distâncias

Belo Horizonte: 488km
Rio de Janeiro: 58km
São Paulo: 483km
Niterói: 50km
Cabo Frio: 109km
Saquarema: 52km

Fonte: Ministério do Turismo.

Fotos Marica

Panoramio Fotos são protegidas por direitos autoriais por seus proprietários.


Você esteve aqui?