Baía da Traição (Paraíba)

Hotéis e Pousadas

Uma região encantadora. Neste município da Paraíba, até as praias são históricas. Atrai  turistas de todo o Brasil e do mundo, com pousadas próximas dos principais pontos turísticos e das principais praias da região. Na Baía da Traição há povoados indígenas e um dos programas mais bacanas é fazer o passeio de canoa conduzida por um autêntico potiguara. Uma opção mais confortável é fazer o programa a bordo de um catamarã pelas águas do Rio Camaratuba.


Mapa

Há indícios de que em 1501 os portugueses tenham ancorado na Baía da Traição, transformando a região em uma das mais antigas do país. As praias são consideradas históricas, pois é a única região no país onde há reservas indígenas dos Potiguaras, que estão no município desde antes do descobrimento.

As principais atividades econômicas da região é a pesca, a agricultura de subsistência e o artesanato, que os índios vendem aos turistas. As principais praias da região são a praia Cardosas, Tambá, Forte, Trincheira e Coqueirinho. Em todas elas se encontra um pouquinho da história do município. Outra atividade muito importante na região é a preservação do Peixe Boi, animal ameaçado de extinção. Ele pode ser visto próximo do Estuário do Mamanguape, e é muito procurado pelos turistas.

 

Apesar do turismo não ser uma das principais atividades econômicas da cidade, há muitas opções de hospedagem em Baía da Traição. O setor hoteleiro tem investido na região, e é possível encontrar muitas pousadas confortáveis e simpáticas. Há pousadas à beira mar, próximas aos rios, como o Rio Mamanguape e o Rio Miriri, que são habitados pelos Peixes-boi. A pousadas costumam organizar passeios pelos pontos turísticos e pela tribos indígenas da região.

Como chegar

Separadas pelo Rio Mamanguape, Baía da Traição e Barra de Mamanguape, no primeiro ponto de parada já no litoral paraibano deste nosso roteiro, tem acessos diferentes, com entradas distantes 11 quilômetros uma da outra. Para a primeira, deve-se entrar na PB-041 em Mamanguape, passando pela cidade de Rio Tinto: são 32 quilômetros a partir da BR-101. Para a segunda o caminho é pela PB-025 (a partir de Rio Tinto há uma estrada de terra que liga as duas rodovias estaduais). São 30 quilômetros em estrada ruim em meio a canaviais.

Atrativos

Igreja de São Miguel:Construída no século XVI pelos Jesuítas.
Ruínas do Forte: localizado na Praia do Forte, em Aldeia Potiguar. 
Aldeias: Galego, São Francisco, São Miguel e Tracoeira: variado artesanato indígena.
Aldeia Cumaru: pântano de Jacarés Passeio de barco pelo rio Camaratuba

Informações Úteis

Informações Turísticas: (83) 3296-1100
Posto de Saúde: (83) 3296-1577
Caixas Eletrônicos: CEF, Bradesco.

 

Distâncias

João Pessoa: 91km
Cabedelo: 25 km
Praia da Pipa: 119km
Natal: 171km

Fonte: Secretaria de Estado do Turismo

Fotos Baía da Traição

Panoramio Fotos são protegidas por direitos autoriais por seus proprietários.


Você esteve aqui?