Santarém (Pará)

Hotéis e Pousadas

Conhecida como a Pérola do Tapajós. É a principal cidade do oeste do Pará. Em frente à cidade acontece o encontro das águas barrentas do rio Amazonas com as águas azuis do rio Tapajós, num espetáculo de rara beleza. Mas não são apenas estas atrações que esta bela Cidade dispõem, são centenas de quilômetros de praias paradisíacas, rios e igarapés de água cristalina, cachoeiras e lagos.


Mapa

Há 30 km de Santarem encontra-se uma praia de areias alvas, água clara, morna e de um azul transparente: Alter do Chão,  também conhecida como o " Caribe Amazônico" é a mais bela das dezenas de praias ao longo do rio Tapajós, parada obrigatória dos transatlânticos que percorrem o Amazonas e palco da festa do Çairé, a maior manifestação cultural do Oeste do Pará

Em Santarém encontra-se a Cerâmica Tapajós que está dividida em dois tipos de vasos: o de gargalo e o de cariátides. Esta cerâmica é uma das mais antigas e, de tão perfeita, chega a ser comparada até mesmo com a mais fina porcelana chinesa.  Existem peças da cerâmica Tapajós espalhadas por vários museus do mundo. Na cidade de Santarém encontra-se um pequeno legado dessas peças no Centro Cultural João Fona. 

A cidade possui característica climática diferenciada do restante do Estado. Apresenta como dominante, uma estação relativamente seca, mas compensada com chuvas abundantes nos demais períodos. Isso assegura a formação de florestas densas em Santarém, sinônimo de potencial madeireiro significativo. No período de chuvas (Dezembro a Maio), a cidade fica isolada, só é possível chegar de barco ou avião. A temperatura do ar é sempre elevada, com média anual de 25°C. O fuso horário em de 1h a menos em relação à Brasília.

Como chegar

Via Aérea: vôos diários e diretos, com duração aproximada de 1 hora, em aviões do tipo Boeing 737, via Aeroporto Internacional de Belém, ou em aeronaves de Brasília, em vôos com escala.
Via Rodoviária: O acesso pode ser feito a partir de Belém, através das Rodovias Federal BR-316, Estaduais PA-140, PA-151, PA-256, PA-150, PA-263, BR-422, BR-230 (Transamazônica) e BR-163 (Santarém-Cuiabá). Cercada por estradas de terra, Santarém fica isolada na época das chuvas (dez/mai). Nesse período, só se chega de barco ou avião.
Via Fluvial: Com embarcações de médio e grande porte, através do Rio Amazonas, com duração aproximada de 60 horas. As companhias de Navegação Alves e Rodrigues e A.R. transportes fazem viagens à Santarém regularmente.

Atrativos

Morro de Alter do Chão (Serra Piroca) 
Serra de Piquiatuba 
Floresta Nacional do Tapajós
Rios Tapajós e Amazonas

Informações úteis

Cias Aéreas: Cruiser, Meta, Puma, Rico, TAM, Total.
Bancos: Banco da Amazônia, Banpará, BB, Bradesco, CEF, HSBC, Itaú.


Distâncias

Alter do Chão: 30km
Altamira: 749km
Belém: 1.526km
Marabá: 1.249km



Fonte: PARATUR - Companhia Paraense de Turismo

Fotos Santarém

Panoramio Fotos são protegidas por direitos autoriais por seus proprietários.


Você esteve aqui?